As bombinhas são prejudiciais ao coração? 

Em 1940, quando foi lançado no mercado, o medicamento broncodilatadopr então disponível – o Isoproterenol – provocava certo grau de cardiotoxicidade. Os broncodilatadores modernos, entretanto, podem fazer apenas uma discreta elevação da freqüência cardíaca, transitória, e sem nenhum prejuízo ao coração, principalmente quando utilizados nas doses recomendadas pelo médico. Apenas pacientes com doenças cardíacas muito graves, como insuficiência coronariana em grau avançado, devem utilizar este tipo de medicação com cautela

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>