A morte, por mais previsível que seja, sempre “choca”.
A gente devia ter data marcada, pra fazer festa de despedida, ir se acostumando com a idéia, fechando ciclos, tendo a certeza que a vida continua – e bem melhor- do outro lado!
Acredito e tenho fé, a gente não “morre” – não teria sentido nossa jornada se não fosse para crescer, aprender, amar, aprimorar, e depois voltar pra casa do Pai!
Querido amigo que se foi, que os anjos do céu te recebam de braços abertos, você agora é luz e está entre os seus. Cada vez que olhar um céu estrelado, lembrarei de ti!!  AVS 2014

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>