CUIDADOS COM AS DOENÇAS DE INVERNO
(Fonte: Secretaria da Saúde)

Com a chegada do inverno, aumentam os casos de infecções e inflamações típicas do tempo frio, poluído e seco. As doenças mais comuns são as que atingem a garganta e o aparelho respiratório, tais como gripe, resfriado, sinusite, alergias, crises de bronquite, rinite e asma. Seus alvos mais comuns são as vias respiratórias superiores ( o nariz), a garganta, os ouvidos e os pulmões/
Principais causas
Alguns hábitos , como o aquecimento de ambientes internos, convivência em ambientes fechados, o frio e as mudanças bruscas de temperatura são os principais responsáveis pelo aparecimento e transmissão dessas doenças.
Formas de prevenção:

  • Manter o ambiente limpo e ventilado
  • Evitar permanecer em ambientes fechados e com aglomerações
  • Ingerir bastante líquido
  • Manter uma alimentação saudável
  • Evitar variações térmicas bruscas: sair de um ambiente muito quente para outro muito frio e vice-versa.
  • Umidificar o ambiente colocando vasilha de água dos comidos da casa ( a evaporação da água umedece o ar) ( Nota da Adriana: ambientes com excesso de umidade propiciam a proliferação de fungos e ácaros, e podem ser prejudiciais ao paciente alérgico, portanto estes recursos só devem, ser utilizados em situações de ressecamento extremo do ar).
  • Evitar varrer os espanar os móveis ( usar aspirador ou pano úmido)
  • Substituir os agasalhos de lã por moletom, couro ou Nylon
  • A vacina é outro grande meio de prevenção da gripe, principalmente para pessoas acima de 60 anos, evitando-se as complicações e internações, principalmente a pneumonia

 

Como tratar:

Procure orientação médica caso apresente secreções ( escarro) amareladas ou muito espessas, febre alta, dores fortes de cabeça e no peito. Somente o médico poderá avaliar corretamente seu estado de saúde e indicar o tratamento adequado para o seu caso. Evite a auto-medicação, pois o uso indiscriminado de antibióticos e outros medicamentos podem causar efeitos colaterais indesejáveis e prejudicar ainda mais a sua saúde.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>